17 set 2020

Lançamento do Software de Gestão Ambiental da Suinocultura (SGAS)- EMBRAPA Suínos e Aves



AUTOR(ES)

Especialista em suinocultura

Cândida Azevedo

Zootecnista, MsC Zootecnia, Doutoranda em Ciência Animal e Pastagens e Editora Grupo de Comunicação AgriNews

A EMBRAPA Suínos e Aves realizou o lançamento nesta quarta-feira (16) do Software de Gestão Ambiental da Suinocultura, o SGAS. Um pacote de aplicativos web que irá facilitar a gestão e o licenciamento ambiental de granjas de suínos. Participaram da solenidade a Chefe Geral da EMBRAPA Suínos e Aves, Drª Janice Zanella, Chefe Adjunto de Pesquisa e desenvolvimento Airton Kunz e o Pesquisador Dr. Rodrigo Nicoloso, responsável pelo desenvolvimento do software. Também estiveram presentes o Secretário Executivo do Meio Ambiente da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Celso Albuquerque, pelo Instituto do Meio Ambiente (IMA – SC) compareceram o Presidente Valdez Venâncio, a Diretora de Licenciamento, Gabriela Brasil dos Anjos e a Gerente de Licenciamento Ambiental, Gabriela Casarin Ribeiro.

Inédito no Brasil, a ferramenta digital apresentada abrange diversas funcionalidades que automatizam e padronizam projetos e análises de licenciamento ambiental, antes elaborados de forma manual ou por meio de planilhas.  O objetivo é trazer confiabilidade e rastreabilidade, não apenas às propriedades, mas aos estudos onde o sistema for adotado e, consequentemente, a produção de suínos a nível nacional.

O SGAS é um dos resultados do modelo inovador de gestão ambiental desenvolvido pela EMBRAPA em parceria com o IMA-SC.

O modelo foi desenvolvido com base na Instrução Normativa 11/2014, hoje também adotado pela resolução 143/2019 do Conselho Estadual de Meio Ambiente de Santa Catarina.

O SGAS oferece como funcionalidades:

  • Gestão das áreas agrícolas da propriedade rural;
  • Cadastro de talhões e pontos de coleta para análises de solo;
  • Cadastro, interpretação de resultados de análises de solo;
  • Recomendações de adubação com fertilizantes orgânicos e minerais para as principais culturas agrícolas, forrageiras e florestais;
  • Monitoramento da qualidade do solo;
  • Classificação conforme limites críticos ambientais de fósforo para solos no RS e SC; 
  • Planejamento agrícola de talhões para cálculo da demanda média anual de nutrientes para a área agrícola;
  • Calendário Agrícola de Aplicações de dejetos líquidos de suínos (DLS);
  • Cadastro de núcleos de suínos com estimativa de consumo de água, produção de DLS e oferta de nutrientes conforme sistema de manejo;
  • Dimensionamento de rebanho de suínos por balanço de nutrientes;
  • Delimitação de esterqueiras, biodigestores, lagoas de armazenamento de digestão e unidades de compostagem de dejetos. 

Além disso a EMBRAPA preparou um manual do usuário com todas as instruções e exemplos de utilização.

O Pesquisador da EMBRAPA, Dr. Rodrigo Nicoloso destaca a parceria entre EMBRAPA e o IMA-SC, desde o início do trabalho, além do apoio do Instituto Catarinense de Sanidade Agropecuária (ICASA) e do Sindicato das Indústrias da Carne e Derivados no Estado (Sindicarne).

De acordo com o conselheiro técnico do Instituto Catarinense de Sanidade Agropecuária (ICASA), Gerson Catalan, o software contribui com a imensa cadeia produtiva da suinocultura do território barriga verde.

 “Foi um trabalho feito a muitas mãos, que moderniza a gestão ambiental e acompanha o que é feito nos principais países produtores de suínos. É mais uma ferramenta que está disponível para técnicos e produtores, tornando o segmento ainda mais confiável, responsável e ambientalmente correto”.

Para acessar o software acesse: cnpsa.embrapa.br/sgas.

Fonte: Redação SuínoBrasil.




Entrevistas +

NOVIDADES DO SETOR

 
 







Ver outras revistas


 

Cadastro Newsletter Suino Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

SuínoMind
SuínoBrasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies